Vinha de Luz
seja bem-vindo à nossa loja virtual!

REGISTRE-SE | LOGIN ( esqueci minha senha )
O voo da garça — Chico Xavier em Pedro Leopoldo | 1910-1959
O voo da garça — Chico Xavier em Pedro Leopoldo | 1910-1959
Clique sobre a imagem para ampliá-la.


O voo da garça — Chico Xavier em Pedro Leopoldo | 1910-1959

Jhon Harley
Esse trabalho histórico, do pesquisador pedroleopoldense Jhon Harley, que conviveu por 21 anos com Chico Xavier, é mais uma contribuição para compreender a figura humana do médium mineiro. Utilizando instrumentos e orientações do campo da História, principalmente no que diz respeito ao uso e à interpretação das fontes orais, escritas e iconográficas disponíveis, o autor transitou entre o acadêmico e o poético, fazendo uma analogia entre uma revoada de garças, ocorrida em 2 de abril de 1910, e a permanência de uma delas entre nós.


(ESGOTADO)

Preço De: R$
Por: R$

ADICIONAR À LISTA

INIDIQUE

Especificações técnicas

ISBN: 978-85-63716-19-4
ANO: 2010
EDIÇÃO: 3ª - 2013
Número de Páginas: 336
Tipo de acabamento: capa em papel Supremo 300g, 336 páginas em papel Chamois Bulk 70g, brochura.
Formato: 23x15x3 cm

Conheça também

Chico Xavier — O primeiro livro Luz na Escola — Chico Xavier na Escola Jesus Cristo de Campos | RJ Chico Xavier — O médium dos pés descalços

Opinião do leitor

[Cezar Carneiro de Souza] [cezarcarneiro@hotmail.com] [Uberaba-MG]
Nota:10
Belíssimo livro, não podia faltar na literatura Espírita.Emocionante e muito bem elaborado.



[Osmar Aparecido Sudário] [osmarsudario@terra.com.br] [Brodowski-sp]
Nota:10
Tenho Uma Força Espiritual Muito Grande, Adquiri a Mesma Através de Leituras das Obras de Francisco Cândido Xavier - Meditações Ensinamentos de Como Colocar Nossa Casa Em Ordem Que no Caso o Nosso Ser Interior Abrindo Campo Para Conquistarmos a Paz de Que Sempre Precisamos e a Colocar Em Pratica a Serviço do Próximo Muito Grato Pela a Oportunidade Que Deus Nos Concede de Trilhar Por Caminhos Abençoados Com Esperança de Um Amanhã Cada Vez Melhor.



[Mara Dalila] [] [-]
Nota:10
Terminei de ler "O Voo da Garça" de Jhon Harley. Excelente Para quem quer saber mais sobre Chico Xavier em Pedro Leopoldo. Descobri coisas lindas sobre Chico, sua vida e seu berço...e sobre a rua são Sebastião, onde certamente ficaram doces vibrações de um amor puro de tão desinteressado Hoje eu entendo porque foi nesta rua, há exatamente vinte anos, que fui trabalhar, de segunda a segunda, numa convivência de aproximadamente 20 meses Euzinha, ainda participante da Seicho-No-Ie, passava em frente ao Centro Espírita "Luiz Gonzaga" e à biblioteca "Emmanuel", sem saber o que estes eram..., e sentia uma força enorme me atraindo. Primeiro foi Dona Lucília, irmã de Chico Xavier, que me apareceu, levando-me molho inglês, feito por ela mesma ela nunca me contou de quem era irmã e me deixando, bondosamente, passar roupa em sua casa para eu pular carnaval Que vergonha; depois apareceu Geraldo Paulo do Carmo, levando-me uma mensagem de natal de Maria Dolores aí já fiquei interessada na doutrina; depois veio Andrea, colega de trabalho, emprestando-me "O Matuto" para eu ler, mas acabou que não o li todo; e para acabar de iniciar o processo do primeiro chamado... veio Robson, fazendo uma belíssima propaganda de Jesus, à luz da Doutrina Espírita, e emprestando-me "Ave Cristo". Esta obra eu a li por completo e não teve jeito virei espírita-cristã. Enfim, não só a rua "São Sebastião" guarda histórias lindas de Chico e do que ele e sua turma da luz foram capazes de fazer até quando já "não estavam" mais ali como também toda Pedro Leopoldo E isso é muito bem exposto, de forma bela e poética, em " O Voo da Garça" de Jhon Harley.



[Bittencourt di Nápoli] [] [Brasília-DF]
Nota:10
Quero traduzir meu sentimento de gratidão pela obra editada em 2010 - O Voo da Garça; que terminei de ler. Gostei imensamente; documento histórico de grande valia. Sou seu coestaduano nascido em Monte Carmelo, e conheci Chico Xavier desde a mais tenra idade em minha cidade, quando ele lá aparecia junto ao Dr. Waldo, em meados da década de 50 até 65, quando, juntamente aos meus pais e manos fomos residir em Uberaba, onde pude contactar com o nosso querido benfeitor, inicialmente na CEC, depois em 1975, no GEP. Resido em Brasília há 30 anos, entretanto sempre que possível estou em Uberaba visitando os confrades. Cordiais saudações, Bittencourt di Nápoli.



[José Márcio] [] [-]
Nota:10
Bom dia Iniciei a leitura do seu livro “O Voo da Garça Chico Xavier em Pedro Leopoldo 1910 – 1959” na segunda-feira, 30 de abril e somente consegui parar quando cheguei à última página. Quis escrever-lhe esta mensagem logo após, mas compromissos profissionais que reclamam nossa atenção me impediram. Contudo, o faço agora e, felizmente, com a tranquilidade exigida. Por primeiro, devo parabenizá-lo por nos brindar com detalhes tão interessantes e marcantes da vida do nosso querido Chico. Atrevo-me a lhe dizer que se o seu objetivo era o de nos fazer conhecer o Chico humano, você logrou êxito parabéns Adentrar ou destacar todos os bons exemplos que nos foram legados pelo Chico e que sua obra retrata de um modo objetivo, mas lúdico, seria, por demais, uma enorme pretensão. Entretanto, peço sua permissão para me deter, em particular, sobre um, senão o mais importante, talvez o mais marcante dos traços da personalidade do nosso querido Chico a sua humildade. Em várias passagens de sua obra este aspecto vem à tona e de uma forma que nos convida a uma profunda reflexão que, por vezes, nos faz chegar às lágrimas, lágrimas estas que escorrendo por nossa face, lavam nossa alma nos propiciando uma benéfica terapia individual. Vou me deter sobre o relato da descrição do Chico feita pelo jornalista Clementino Alencar, repórter de O Globo, que você transcreve às páginas 264266 do livro a forma que ele, o Chico, se apresenta para o encontro e, sobretudo, o pedido de desculpas dirigido ao repórter e ao coletor da cidade quando percebe que ambos detinham os seus olhares sobre as roupas simples e surrada que envergava naquela ocasião  – “Desculpem ter eu vindo nestes trajes. Estava trabalhando. A vida ter que ser assim. Trabalhar...”. Ainda no mesmo capítulo, digno de nota, são as observações feitas por Artur da Távola. Confesso que ao ler a mensagem de Eça de Queirós, a exemplo do que você já alertava, fui tomado de grande espanto e mesmo de certa indignação, mas que, ao final da mensagem, se desfez. Impossível não nos emocionarmos com a biografia do Chico. Tenho a plena convicção de que as futuras gerações quem sabe nós mesmos reencarnados se lembrarão de Chico Xavier tal e qual o fazemos hoje com os exemplos de Francisco de Assis João Evangelista o da abnegação em favor dos mais pobres, dos desvalidos de toda ordem e a renúncia, declarada e demonstrada, a qualquer grandeza de natureza material. Quanto ao roteiro “Caminhos de Luz – Chico Xavier”, por meio de sua pessoa, gostaria também de parabenizar a comunidade espírita de Pedro Leopoldo pela feliz iniciativa e desenvolvimento. Por fim, gostaria de fazer menção à qualidade editorial da obra a formatação e revisão de texto são impecáveis E, se você ainda me permitir um último apontamento, gostaria de fazê-lo em relação aos recursos iconográficos utilizados. A contextualização histórico-geográfica que você fez, associada aos relatos depoimentos de moradores e contemporâneos do Chico, tornou a obra muitíssimo interessante e agradável de ler. Parabéns Um fraterno abraço José Márcio



[Magnólia Correa] [] [-]
Nota:10
Eu adquiri o livro no dia 1892011, no Grupo Espírita Meimei, onde frequento. Simplesmente ... MARAVILHOSO Agora, meu Irmão, eu acredito que você tomou gosto em escrever e continue escrevendo, pois eu sou uma leitora compulsiva e adoro ler bons livros como este.Paz e luz, Magnólia



[Hércio ] [] [-]
Nota:10
Recebi O VOO DA GARÇA e já estou mergulhado na sua leitura, aliás próximo do final. Você[Jhon]foi muito feliz em todos os aspectos da obra, constituindo uma colaboração de inestimável valor, enriquecendo a literatura espírita. Parabéns Que Jesus o fortaleça em seus compromissos com a seara bendita. Grande abraço do irmão, Hércio



[Eleuterio Nunes de Souza Netto] [] [-]
Nota:10
BOA NOITE AMIGOS,RECEBI O LIVRO. MARAVILHOSO, FIQUEI MUITO FELIZ EM VER NA PAGINA 64 A FOTO QUE ENVIEI PARA A CASA DE CHICO XAVIER EM PEDRO LEOPOLDO, CHICO XAVIER COM SUA FAMILIA NO ANO 1930. ABRAÇOS FRATERNO, LELO.



[Sylvio Damiani] [] [-]
Nota:10
Muita alegria em ler O voo da garça...belíssimo trabalho...muito profundo e restaurador...Imaginei Pedro Leopoldo toda de branco... Penso ser a obra mais rica e importante pra falar do nosso querido Chico... O textos de apoio são fundamentais pra entender, um pouco que seja, a extraordinária e inimaginável obra do Candido amigo. Parabéns por ter publicado. (...) Jesus conosco, sempre. Sylvio Damiani & família.



[Ana Virginia da Conceiçao] [anavirginia2010@zipmail.com.br] [Santos-SP]
Nota:10
Tenho grande admiração pelas obras de Chico Xavier tenho muito a q agradecer por suas lindas mensagens.



Nome:
E-mail:
Cidade
Estado
Nota
Comentário:
Código:
Wan BrasilAC Portal
VINHA DE LUZ - SERVIÇO EDITORIAL LTDA.
Av. Álvares Cabral, 1777 - Sala 2006 - Santo Agostinho 30170-001 – Belo Horizonte – MG
Telefone: (31) 2531-3200 | 2531-3300 | 3517-1573 - CNPJ: 02.424.852/0001-31